Polícia

Produtores rurais presos em Sorriso e levados para Cuiabá são liberados

A ação da Polícia Rodoviária Federal ontem, em Sorriso, para acabar com o bloqueio resultou na prisão de 5 pessoas -a maioria agricultores- acusados de resistirem ao cumprimento da decisão judicial para liberar o tráfego.
Conforme Só Notícias informou, a polícia disparou tiros de balas de borracha e soltou bombas de efeito moral. Várias pessoas tiveram ferimentos leves. Depois do tumulto, uma comissão formada por representantes de várias entidades de classe e pelo prefeito de Sorriso, Dilceu Rossato, intermediaram a liberação de 5 cidadãos que foram detidos, mas a Polícia Federal foi irredutível.

Os produtores rurais Sidney Meneghatti, Agenor Fiorentin, Olinto Astini, Valter Koquemala Neto e Angelo Bordignon ficaram detidos, até a tarde, na delegacia da Polícia Rodoviária Federal de Sorriso e posteriormente foram transferidos para Cuiabá. O empresário Argino Bedin, que está em Cuiabá, informou ao Só Notícias que eles foram liberados hoje de manhã, depois de terem sido ouvidos pela Polícia Federal.