sábado, 20/abril/2024
PUBLICIDADE

Polícia de Lucas do Rio Verde investiga assalto à construtora

PUBLICIDADE

A Polícia Civil de Lucas do Rio Verde continua as investigações ao assalto em uma empresa construtora, ocorrido na última quinta-feira. Quatro homens já foram presos, um deles acusado de ser o mentor do assalto e os outros de darem apoio logístico para os executores e informações sobre a empresa.

Tudo teria começado com informações prestadas pelo funcionário da construtora, Gabriel Araújo de Lima, o Guto, que teria informado que a empresa faria pagamento aos funcionários naquele dia. Mas como a empresa decidiu fazer o pagamento somente na sexta-feira, os bandidos conseguiram levar apenas R$900.

O delegado Flávio Stringuetta disse, ao Só Notícias, que se eles tivessem acertado o dia do pagamento, o prejuízo da empresa seria muito grande. Os dois homens chegaram na empresa por volta das 10:00h, armados, renderam dois funcionários e levram o dinheiro.

“Com auxílio da sociedade, chegamos a informações de que um homem identificado como Cláudio, teria se ausentado da empresa onde trabalhava no mesmo horário, sem motivo aparente. Detido e interrogado, ele acabou entregando o plano. Prendemos ainda um homem identificado como Celso e outro que morava com ele, chamado Edmilson, conhecido como Pintor. Eles deram hospedagem para os ladrões e receberiam uma certa quantia por isso”, explicou o delegado.

Segundo o delegado, todos os indícios apontam Cláudio como o “cabeça da quadrilha”. Ele teria sido o mentor do assalto. Os dois ladrões não são da cidade, mas a polícia já tem fortes pistas e poderá prendê-los a qualquer momento.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Homem é morto a tiros após se envolver em briga no Nortão

Um homem foi morto a tiros, esta madrugada, na...

Homem é preso por agredir ex-companheira e manter em cárcere privado em Colíder

Um homem, de 31 anos, investigado por agredir, ameaçar...

Sorriso: polícia confirma que 2 alvos de operação foram para regime diferenciado por ordem judicial

Dois alvos da Operação Recovery Ultimato, deflagrada Polícia Civil...
PUBLICIDADE