Polícia

Pai é preso acusado de agredir filho em Lucas do Rio Verde por ser homossexual

O suspeito foi preso, ontem à noite, em Lucas do Rio Verde acusado de agredir fisicamente e ameaçar de morte o próprio filho por ser homossexual. A polícia não informou a identificação nem idade da vítima.

Ainda segundo a Polícia Militar, o homem chegou em casa bêbado e, por medo de sua agressividade, sua esposa saiu da residência. Com isso, ele teria começado a ofender o filho o chamando de ‘gay’ e que não aceitava o fato dele ser homossexual.

Ele empurrou a vítima na parede e tentou as agressões, mas foi contido por sua filha que estava no imóvel. Depois, ainda teria feito as ameaças de morte.

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil e o acusado poderá responder por crime de homofobia.

Só Notícias/David Murba e Altair Anderli, de Lucas do Rio Verde (foto: assessoria/arquivo)