Polícia

Mulher afirma na delegacia em Sinop que marido foi sequestrado por traficantes e obrigada a entregar R$ 2 mil

A esposa de um homem, de 45 anos, procurou a delegacia de Polícia Civil ontem, para informar que provavelmente seu marido foi sequestrado por traficantes e que ela foi obrigada a entregar R$ 2 mil aos criminosos. Os suspeitos ainda pediram mais R$ 1,5 mil, no entanto, não consegui fazer a transferência.

A mulher contou aos investigadores que percebeu que alguém estava fazendo compras com seu cartão. Como seu marido é usuário de drogas, acabou bloqueando. Passado algum tempo, ele ligou pedindo explicações do bloqueio e disse que precisaria de R$ 1 mil, pois estava com traficantes e sem o pagamento não seria liberado.

Ela fez a transferência, no entanto, o marido não apareceu e desligou o celular. Posteriormente, ela recebeu áudios do homem pedindo mais R$ 1 mil. Ela disse que ele estava sendo espancado e implorando pelo dinheiro. Também estava sendo ameaçado de morte.

Logo em seguida, recebeu uma mensagem pedindo mais R$ 1,5 mil. Como havia bloqueado o cartão, não conseguiu entregar mais dinheiro e seu companheiro não apareceu.

O caso deverá ser repassado à Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) para ser investigado.

Só Notícias/David Murba (foto: Só Notícias/arquivo)