Polícia

Homem mata colega de trabalho em fazenda em Mato Grosso e espera a polícia ao lado do corpo

A Polícia Civil confirmou, neste domingo, a prisão em flagrante de um assassino confesso, em Nova Lacerda (540 km a Oeste de Cuiabá). O suspeito era amigo da vítima, João da Cruz Lopes, de 57 anos, e ficou esperando os policiais, deitado ao lado do corpo.

O crime foi sábado à noite, em uma fazenda, a cerca de 120 quilômetros da cidade. O suspeito informou o caseiro da propriedade e disse que esperaria a polícia. Investigadores e peritos da Politec constataram que o corpo estava no colchão, no chão, com um ferimento de facão. O suspeito estava dormindo em um sofá, ao lado, e não apresentou resistência à prisão.

Questionado, o investigado informou que estava ingerindo bebida alcoólica com o colega de trabalho quando, em determinado momento, João teria dito que queria matá-lo, com o facão, dizendo “ou é você, ou eu”. O suspeito então alega que conseguiu derrubar a vítima e desferiu um golpe no peito.

O facão estava do lado do corpo. O suspeito também confessou que possuía um rifle calibre 22, escondido em sua residência e foi apreendido. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Comodoro, onde foi lavrado o flagrante, sendo colocado posteriormente à disposição da justiça, informa a assessoria da Polícia Civil.

Só Notícias