Polícia

Depois de 51 horas acaba rebelião em presídio mato-grossense

Os presos rebelados desde às 8 horas da última segunda-feira (20), resolveram terminar por volta das 11h30 de hoje – 51 horas depois -, a rebelião na Unidade Prisional da Mata Grande (penitenciária), em Rondonópolis (Sul, a 220 km de Cuiabá). Os nove reféns já foram liberados. Ainda hoje, segundo a Polícia Militar, 44 dos 600 presos da Mata Grande serão transferidos para outras unidades prisionais no Estado.

Até ontem os cerca de 50 líderes da rebelião reivindicavam a transferência de 80 presos. Nas negociações, no entanto, ficou definido e acertado entre os presos e a Comissão de Gerenciamento de Crises ligada à Secretaria de Justiça e Segurança Pública que 44 presidiários seriam transferidos para outras unidades.

Parte das outras exigências dos presos para liberar os reféns também foram atendidas, entre elas revisão de penas, assistências jurídica e médica, ficando pendente apenas a alteração nos horários de visita e a entrada de comida e produtos de higiene, que eram levados por familiares de presos, mas que estavam suspensos.