Polícia

Delegado afirma que adolescente não foi estuprada em praça em Lucas do Rio Verde

O delegado de Polícia Civil, Daniel Neri, descartou a possibilidade de um estupro supostamente ocorrido na região central, contra uma adolescente, de 17 anos. Segundo ele, as investigações apontaram que o crime não ocorreu, entretanto, como o caso envolve uma menor de idade, não foram passados detalhes de como a polícia chegou a esta conclusão.

Conforme Só Notícias já informou, na segunda-feira, a garota havia relatou aos policiais que estava cruzando a rotatória entre as avenidas Brasil e Mato Grosso, quando foi abordada por um homem, em um carro branco. Disse ainda que foi obrigada a entrar no veículo e levada até a praça de uma Igreja Católica, na região, onde foi abusada. Após ser estuprada, ela foi deixada no local e o criminoso teria fugido no automóvel.

Entretanto, segundo o delegado, a versão apresentada não ocorreu. Não foi informado o que levou a menor a fazer essas acusação e se ela será responsabilizada pelo relato falso.

Só Notícias/David Murba com correspondente em Lucas do Verde (foto: Só Notícias/arquivo)