Polícia

Cinco presos por fraude no sistema de créditos da Sema

A Delegacia Especializada de Meio Ambiente (Dema) prendeu cinco suspeitos de envolvimento em fraude no sistema da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, descoberta pela própria Sema, que acionou a Polícia Civil e, por determinação do governador Blairo Maggi, dará total apoio aos trabalhos.

Com as investigações, a polícia confirmou que os acusados compravam créditos de madeira e revendiam esses créditos a algumas madeireiras no Estado. A polícia acredita que o total de créditos possa chegar a 200 mil metros cúbicos de madeira. As investigações continuam e até o momento não foi constatada a participação de nenhum servidor da Sema na fraude.

O inquérito policial é presidido pelos delegados Geanmarco Capolla Caponi e Alexandra Fachone. Os mandados de prisão temporária foram expedidos pela Vara Especializada de Meio Ambiente. Os suspeitos foram presos em Cuiabá e estão à disposição da Justiça.