Polícia

1065 veículos fiscalizados e 12 pessoas detidas ontem pela PRF

Ontem, a Polícia Rodoviária Federal registrou três acidentes nas BRs de Mato Grosso. Quatro veículos e vinte pessoas se envolveram nesses acidentes. Uma pessoa ficou ferida.

Cinqüenta e dois Policiais Rodoviários Federais se revezaram nos plantões de ontem, espalhados nos dezessete postos de fiscalização que a PRF tem em Mato Grosso. Foram fiscalizados 1.165 veículos, 21 veículos foram retidos por irregularidades, 06 usuários das rodovias receberam auxílio das viaturas em ronda, 01 carteira de motorista foi apreendida, 09 cargas de madeira foram apreendidas, 12 pessoas foram detidas e 166 multas foram aplicadas.

E em Sinop, na BR-163, foram detidas pela equipe do Núcleo de Operações Especiais da Polícia Rodoviária Federal, nove carretas que transportavam madeira extraídas irregularmente. As cargas estavam desacompanhadas de notas fiscais e ATPFs. Os veículos com seus condutores foram todos entregues ao IBAMA de Sinop.

O acidente que deixou uma pessoa ferida aconteceu na BR 364, próximo a Rosário Oeste. Amilton José de Brito, de 56 anos, condutor do caminhão VW 17.210, placas KEQ 2077 Goiânia – GO, seguia pela BR 364. No km 528,6, ele perdeu o controle da direção do veículo, saiu da pista e capotou. Após o acidente o veículo incendiou-se. O condutor foi encaminhado com ferimentos graves para o Hospital Amparo de Rosário Oeste. A causa do acidente não foi identificada, uma vez que devido o estado do motorista, não foi possível colher sua declaração.

Em Poconé, no km 633 da BR 070, no trecho que liga Cuiabá a Cáceres, foi detido Jonathas Nunes do Santos, de 33 anos, passageiro de um Gol, placas JYQ 2345/MT. Ele tinha contra si um mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça do Estado de Mato Grosso. Jonathas foi conduzido para a Delegacia Regional de Cáceres/MT.

Em Cáceres/MT, no km 30 da BR 174, foram detidas Janete Rosa Medeiros Melo, de 29 anos e Cleide Rosa Medeiros Melo, de 46 anos. Elas haviam pedido carona para o motorista José Carlos Peixoto, condutor da carreta Volvo NL 12, placas JKW 1333/RO, quando ele passava pelo Trevo do Lagarto, em Várzea Grande. Após passar a cidade de Cáceres, no km 28, na localidade denominada Caramujo, elas solicitaram que o motorista parasse para que pudessem desembarcar. Neste momento ele foi surpreendido por dois homens armados que anunciaram o assalto e o obrigaram a seguir em frente pela rodovia. No km 40, o caminhão apresentou problemas e os bandidos o abandonaram. A PRF havia sido avisada por telefone de um possível assalto em andamento na região e realizava rondas pelo local, quando encontrou o motorista, no km 44. Ele relatou o ocorrido e com o apoio da Polícia Militar, as duas mulheres foram encontradas telefonando de um telefone público. Ao serem detidas, elas confessaram a participação no crime e foram conduzidas para a Central de Flagrantes da Polícia Civil de Cáceres/MT.