Opinião

Viver da imaginação

Muitos vivem viajando na imaginação e vão passado pela infância, até chegar na realidade, mas muitos preferem viver sonhando com o futuro, sem, no entanto, planejá-lo e nem mesmo definindo por um projeto para alcançar o belo sonho que faz parte da sua futurologia desorganizada.

Na nossa imaginação é importante ter como elemento principal, o desenvolvimento da criatividade, tendo sempre os pés na realidade, porque se não tudo vira sonhos, e com o passar do tempo sem ação, torna-se ficção e pura ilusão.

Ao imaginarmos um futuro melhor, mas temos que buscar as evidências concretas e ou previsões observáveis, senão os projetos de vida vira um salto no escuro, pois a diferença entre lembranças e ações futuras, exemplifica o que é viver de memoria e o que é buscar a imaginação.

A imaginação nos torna um competente que planeja o futuro com embasamento acionado na região específica do cérebro, onde estão armazenados, milhões de dados relativos às experiências concretas do passado, são arquivos cheios de coisas úteis e inúteis, mas são nossas experiências vividas, e que são chamadas de histórias de vida, e, é lá, que consta o resumo das ações, e que nos pode levar tanto ao sucesso ou do insucesso.

Esses arquivos mentais estão a nossa disposição, pois são experiências importantíssimas para serem usadas nas nossas imaginações, que nos faz capaz de enxergar nosso verdadeiro rosto refletido na realidade do mundo.

Se fossemos capazes de usar a imaginação com sabedoria e desenvolver projetos adequados, tendo como objetivo o desenvolvimento de um mundo coletivo, tudo seria melhor, até poderia levar-nos a execução de ações mais justas e perfeitas, onde reduziríamos os crimes, a violência, e ao enxergar além do pensamento individualista e do querer egoísta, ressuscitaríamos a força da criatividade ao ser usada de forma inteligente, que estão em desuso, e ao usá-la caminharíamos em busca de um mundo melhor, mas para isso, teríamos que deixar de lado o pensamento que estão sendo usados, apenas em benefícios próprios e criando expectativas de conquistas individuais.

Só através do poder da imaginação, poderíamos projetar um mundo melhor, tendo como sentido principal a preservação da vida e da natureza, mas tudo isso, não está na imaginação de todos e por isso, são apenas de sonhos de poucos.

Wilson Carlos Fuáh – Economista Especialista em Administração Financeira e Relações Políticas e Sociais em Mato Grosso - [email protected]