sexta-feira, 23/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

Uma cidade melhor para todos

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Um aniversário é sempre um momento especial na vida das pessoas e também das cidades que as acolhem. Não se comemora apenas mais um ano de vida, mas os frutos da evolução contínua, com novas vivências acumuladas, novos horizontes descortinados e futuros planejados.

Ao completar 294 anos, a Capital de Mato Grosso reforça a condição de cidade generosa e acolhedora, congregando cuiabanos, mato-grossenses e brasileiros das mais diversas origens. Em comum, o sentimento de amor a esta terra e o empenho na cotidiana tarefa de construir uma cidade melhor para todos. Hoje já são mais de 600 mil brasileiros de toda parte, empreendedores atraídos pela formidável expansão das fronteiras agrícolas.

E é justamente esta unidade de propósitos que ouso destacar neste momento em que Cuiabá vive um capítulo especial de sua história, divisor de águas entre o passado e o futuro: a Copa do Mundo de 2014, o maior evento que já sediamos.

A Copa não pode ser vista apenas pelo status de mega evento internacional. É preciso ver além e aproveitar esta oportunidade de modernização do ambiente urbano. Experiências recentes provam que os recursos aplicados produzem mudanças estruturais significativas nas cidades-sedes. Em Cuiabá não será diferente.

As obras de mobilidade urbana darão decisivo impulso socioeconômico à Capital, com reflexos em todos os setores. Os investimentos na infraestrutura viária e especialmente no novo sistema de transporte público – o Veículo Leve sobre Trilhos – darão mais qualidade à vida de todos. O parlamento estadual tem participação ativa neste processo, contribuindo para que o legado da Copa seja significativo para todos os cidadãos.

Hoje a Capital mescla as raízes do passado com as sementes da modernidade. Quase 300 anos depois da chegada do bandeirante Pascoal Moreira Cabral, já não se acham as pepitas de ouro que a gurizada recolhia depois da chuva. Mas a posição estratégica de Cuiabá continua impulsionando o desenvolvimento regional e favorecendo o intercâmbio comercial, cultural e turístico com importantes centros econômicos brasileiros e internacionais.

Em que pese a força dos municípios do interior impulsionados pela agricultura, Cuiabá é o principal pólo socioeconômico do estado graças a um comércio vigoroso, à agroindústria emergente e ao grande mercado consumidor de produtos e serviços.

As demandas de uma cidade em constante crescimento impõem à classe política responsabilidade ainda maior. Por isso a Assembleia Legislativa vem intensificando esforços para suprir as carências na área da educação, segurança e saúde, como atestam as emendas que permitirão a ampliação do Hospital do Câncer e do Complexo Pomeri, entre outras iniciativas recentes.

Todos estes esforços contribuem para que a Capital chegue ao terceiro centenário bem estruturada, ambientalmente sustentada e capaz de abrigar novos empreendimentos de porte que geram empregos e oportunidades para milhares de pessoas.

E me permito sugerir um presente de aniversário para a cidade que também me recebeu carinhosamente e onde vivo com a família desde 1994: continuada ousadia para fazer uma cidade cada dia melhor.

Cuiabá merece a construção de uma articulação política, social e econômica capaz de comprometer a sociedade e os sucessivos governos com um conjunto de metas destinadas à promoção da qualidade de vida da população.

O resultado será uma cidade mais bem equipada e, sobretudo, humanizada. Uma Cuiabá que enfrenta de peito aberto os novos desafios, valorizando o que já foi feito de bom, aperfeiçoando o que precisa melhorar e inovando em soluções para o amanhã que se descortina, radiante como o sol cuiabano.

* José Riva, presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

 

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Não é apenas água que falta em Várzea Grande!

Se você mora em Várzea Grande ou tem um...

Somos idealizadores de objetivos

Ao comprometermos com algo infinitamente superior as nossas forças,...

Aqui não cabe potoca

Antigamente, lá na roça os homens, em sentido lato,...

O seu pior inimigo pode estar no seu voto

Muitas pessoas estão apenas preocupadas em mudar o mundo...