Opinião

Saiba que nem tudo está perdido

A vida segue em frente e não espera por ninguém, tenha certeza que é muito importante é dar o primeiro passo, sabendo que, em seguida, ao dar o segundo passo, possa aceitar o sucesso esperado com humor e satisfação, e olhado para dentro de nós mesmos, possamos receber o aceitamento do que somos e não do que esperamos, sem ressentimento do nosso viver.

O importante é saber que lá no nosso passado ficaram registrados os dados de tudo, tudo que vivemos, e que para os não saudosistas, também sabem, que a muito tempo já se perderam, por isso, que muitos não aprendem com as derrotas, e e ficam a repeti-las, e não aprendem com o passado, que é o certo e verdadeiro, e vivem na ansiedade de viver no futuro incerto e que pode não vir.

O que fizemos das nossas vidas, não tem como desfazer, foram acontecendo sem que pudéssemos nos preparar para enfrentar as dores das derrotas, porém sem serem danosas ou destrutivas contra as nossas possíveis evoluções sequenciais, deixamos a vida fluir sabem que não tem volta, mas nem por isso mesmo, devemos usar a nossa posição de destaque, que atingimos por necessidade própria ou por necessidade de sobrevivência – e hoje – depois de tantas lutas, e nem por isso, devemos usar as suas realizações para autopromover a normalidade da nossa vida.

Depois de tudo, tudo que vivemos, fomos seguindo em frente, sem querer voltar a ser sucumbido e saudosista pelo nosso primeiro estágio, ou mesmo, por isso, querer usar dos atos baixos e agressivos para vingar do passado de alguém que um dia nos julgou antecipadamente, e que agora, está desgastado na luta pela sobrevivência, e que por circunstâncias, foi derrotado por vários motivos que você não participou, sabendo respeitar o passado que se foi, mas deixou algumas coisas mal resolvidas, e que está doendo em alguma parte do nosso corpo, mas cada um tem a sua história e a sua saudade, e hoje a sua vida chegou onde chegou, ou não chegou, pela responsabilidade das suas escolhas assumida individualmente.

O importante é que todas as nossas ações, não sejam relacionadas como danosas contra aqueles, que vivem fazendo pactos de sobrevivência no mundo associativo, entenda que o mundo muda a cada entendimento ou a cada olhar, mas na realidade está cheio de divisões inúteis, criadas pelos seres inconscientes e que fogem da realidade, e seguem uma vida polarizada, entre status que nunca existiu, como: direita e esquerda, como riqueza e pobreza, ou com as evidências das cores das peles, como – negros e brancos, e que apesar do absurdo, ficam nas espreitas, cercados pelas barreiras sociais construídas pelas ferramentas preconceituosas e levianas, e que todos os dias, estão sendo treinado em forma de lideranças intolerantes e raivosas, e assim, vão acumulando aos combustíveis do ódio, e que por qualquer motivo, estão sendo usando e treinados para a qualquer momento, partir para os confrontos, e pasmem, até religiosos.
O importante é aprender com o que disse Jesus, e usando emprestado as Palavras Dele, criar as possibilidades de aproximação e se for possível: a dar a outra face, assim que for agredido por alguma intolerância inútil, e mesmo assim, que em nome da humildade e do perdão, devamos aceitar a aqueles que ainda estão no primeiro passo da caminhada evolutiva da vida.

Saiba que nem tudo está perdido.

Wilson Carlos Fuáh – Economista Especialista em Administração Financeira e Relações Políticas e Sociais em Mato Grosso - [email protected]