Opinião

Protesto dos produtores rurais II

Está de parabéns, a resposta dada pela Regiane ao Daniel pela matéria “Protesto ou Manifestação de Luxúria,” ao ler a matéria do Daniel que nem sei quem é… mas deve ser alguém que vive num mundo bem diferente do meu, pois,conheço a realidade da agricultura muito bem… e sei o momento difícil que estamos passando… muito me admira ele esquecer que ao desmatar estamos gerando emprego e contribuindo para o progresso, e absurdo ele vir falar em ambição, e graças a estes agricultores que com seus correntes derrubam a madeira que Sinop se desenvolveu. Vamos ver quanto tempo vai durar as críticas dos mauricinhos que não tem nem idéia do que é agricultura, se não melhorarem os preços e não houver nem um apoio para o próximo plantio, será inviável permanecer na agricultura… Estes agricultores que tem camionete nova simplesmente deixarão de plantar… mas o funcionário que trabalha pra ele vai deixar de receber e as pessoas que criticam, mas não fazem nada para ajudar, será que já estão preparando trabalho para estes desempregados…?

O número de funcionários mandados embora de fazenda e enorme…pergunte a qualquer um deles o que acham do desmate…nos não somos obrigados a preservar o que os outros paises e alguns estados destruíram, vá lá na margem do Tietê e plante árvores se o reflorestamento e preservação e importante vamos começar por lá…não sou a favor do desmatamento sem controle… mas não venha colocar o agricultor como único culpado…este e um problema mundial.

Se tem alguém que não tem medo de trabalhar e o agricultor, e como todo mundo que trabalha ele tem o direito de ter o mínimo de conforto… e se as pessoas que criticam não tem camionete e pelo simples fato de não ter dinheiro para comprar… e simplesmente irônica esta matéria. O agricultor não precisa ter vergonha de mostrar o que ele tem, afinal e fruto de trabalho e inteligência diferente de algumas pessoas, que usam a inteligência para criticar os outros.. e graças ao agricultor, que não mede esforços para conseguirem realizar seus objetivos…que o país se desenvolveu.
Ninguém esta pedindo nada de graça o que todos querem e o preço justo pelo produto…

E com as benção de Deus conseguiremos, e todos sairão lucrando: Donos de revenda de: automóveis, tratores, de insumos, funcionários do setor agrícola e, os mauricinhos..

É fácil criticar… o difícil a achar o caminho correto.

Alexandra Perinoto é comerciante em Sinop