domingo, 25/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

Preço da irresponsabilidade

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Desde os tempos antigos, a maior descoberta feita pelo homem, sem dúvida, foi o fogo. A descoberta e a manipulação do fogo têm contribuído para o progresso da raça humana: é usado na fusão de metais e produção de ferramentas; é usado também na preparação dos alimentos, produção de energia entre outras diversas atividades no decorrer da história do homem. Entretanto, observa-se que, acompanhando o progresso, vêm os problemas causados pelo mesmo. O ser humano é um ser criativo, "racional", que tem grande capacidade de usar suas invenções para o seu próprio bem e para o bem de comunidade. Nota-se, porém que a irresponsabilidade de alguns vem provocado a "destruição literal da sociedade. Alguns indivíduos que se dizem racionais agem de maneira impensada, prejudicando não somente a sociedade, mas também a si próprio.

Um fato que prova esse argumento é o acontecido em Marcelândia, MT, há algumas semanas atrás. Um incêndio devastou grande parte da cidade, deixando muitas pessoas desabrigadas, e muitas famílias, perderam tudo. Marcelândia tinha muitas madeireiras (pense no prejuízo) além do patrimônio da cidade que foi destruído pelo fogo. Até nós que estamos aqui em Sorriso, MT, a vários quilômetros de distância sofremos com a fumaça, além do tempo seco desses dias. O que era para ser uma grande ajuda para a humanidade acaba se transformando em destruição, prejuízo, causando grande mal a saúde e a vida de muitas pessoas. O que fazer para solucionar esse problema? Só uma coisa pode ser feita: sermos responsáveis no uso, principalmente do fogo, usando apenas como necessidade e apenas quando estivermos sóbrios, ou seja, capacitados para manipulá-lo, de maneira que não venha prejudicar a natureza, maneira eficaz e correta.

Kaio Henrique dos Santos – estudante do Ensino Médio 1H vespertino da Escola Estadual Mário Spinelli de Sorriso/MT.

 

COMPARTILHAR

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias

Não é apenas água que falta em Várzea Grande!

Se você mora em Várzea Grande ou tem um...

Somos idealizadores de objetivos

Ao comprometermos com algo infinitamente superior as nossas forças,...

Aqui não cabe potoca

Antigamente, lá na roça os homens, em sentido lato,...

O seu pior inimigo pode estar no seu voto

Muitas pessoas estão apenas preocupadas em mudar o mundo...