Geral

Servidores paralisam atendimento nos postos do INSS hoje e amanhã

Os segurados que forem às agências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) hoje, devem encontrar as portas fechadas. Os servidores do instituto em todo o país farão uma paralisação de advertência de 48 horas, hoje e amanhã.

No Estado, cerca de 100 mil pessoas são atendidas diariamente nos 164 postos. Como serão dois dias de greve, 200 mil podem ser prejudicados. Para a diretora do Sinsprev (Sindicato dos Servidores da Previdência Social e da Saúde), Miracy Mendes, a adesão deve chegar a 95% das agências. Os servidores querem um reajuste que reponha as perdas salariais, a melhoria nas condições de trabalho e a criação de um plano de cargos e carreiras, prometido na greve passada.

Eles também estão protestando contra o aumento de 0,01% proposto para este ano pelo governo. “Se o governo não negociar, vamos parar por tempo indeterminado em maio”, afirma. A Previdência informou que o ministro Romero Jucá reiterou que vai cumprir o acordo sobre o plano de carreiras com os servidores. O ministério mandou um pedido às agências solicitando para que os servidores não façam paralisações.