Geral

Polícia prende 10 pessoas e apreende 2 mil metros de madeira

O delegado da Polícia Judiciária Civil de Juara, Joáz Gonçalves, prendeu 10 pessoas e determinou a apreensão de 2 mil metros cúbicos de madeira em toras, que estavam no pátio de uma madeireira no município de Tabaporã. Além disso, a Polícia apreendeu uma esteira, uma pá carregadeira e quatro caminhões, todos de propriedade da serraria. A empresa é conhecida na cidade como Madeireira do Clodoaldo.

O delegado informou que a denuncia foi feita pela Fazenda Bama, pois a madeira estava sendo retirada de uma área de sua propriedade e como houve a Operação Curupira, os madeireiros aumentaram a extração ilegal e haviam retirado mais de dois mil metros cúbicos de madeira em tora.

Joáz disse que os ex-funcionários do Ibama de Juara haviam estado na área e apreendido alguns moto-serras e não voltaram mais no local. Ele declarou ainda, que a fazenda Bama está movendo uma ação contra o madeireiro Luiz Carlos Ramos de Oliveira, de Sinop, por invasão em terras de sua propriedade.