Geral

Perda de controle pode ter provocado queda e explosão de avião que iria para Sinop; 3 morreram

A perda de controle em voo pode ter provocado a queda do avião Beech Aircraft, modelo F35, matrícula PT-AVO, na região de garimpo de Crepurizão, distrito de Itaituba, sudoeste do Pará (900 km de Sinop), no dia 7 de fevereiro deste ano. A constatação preliminar está no Sistema de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Sipaer) do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). A aeronave explodiu ao atingir o solo, às margens de um rio, e morreram Marcelo Nunes de Oliveira, Mário Aparecido Munis e José Carlos Vieira. 

De acordo com o registro oficial do Sipaer, a aeronave decolou de uma pista não registrada da comunidade de Crepurizão, por volta das 12h30, com destino ao aeroporto presidente Figueiredo, em Sinop, a fim de transportar carga e dois passageiros. Logo após sair do solo, o piloto perdeu o controle da aeronave e colidiu contra o solo na margem de um açude, localizado a cerca de 280 metros da cabeceira da pista após decolagem. A aeronave incendiou e ficou completamente destruída. 

Segundo o sistema, as análises das informações coletadas, fatores contribuintes ainda estão em andamento. Por isso, ainda estão sujeitas a modificações conforme o andamento dos trabalhos de investigação.

Conforme Só Notícias já informou, os corpos de Marcelo e Mário foram sepultados em São Paulo. Já o enterro de José ocorreu em Minas Gerais.

Só Notícias/Cleber Romero (foto: reprodução/arquivo)