Geral

Laboratório do Rio de Janeiro confirmará se jovem que morreu em Sinop teve dengue hemorrágica

A assessoria da secretaria estadual de Saúde, informou, ao Só Notícias, que foi encaminhado material para a Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro e um laboratório mato-grossense da própria secretaria para confirmar ou não a morte por dengue hemorrágica de uma moradora, de 28 anos, de União do Sul (172 quilômetros de Sinop), que faleceu no último dia 31, no Hospital Regional. Não foi apontado quando o resultado deve ser divulgado.

No último balanço divulgado pela secretaria municipal de Saúde, do dia 1º ao dia 30 de janeiro, foram notificados 2.174 casos suspeitos de dengue no município. Destes casos, 732 já foram confirmados. Dos casos confirmados, 694 foram casos de dengue, 30 casos de dengue com sinais de alarme e oito dengues graves. Também há  outros dois óbitos por suspeita de dengue sendo investigados.

De acordo com o coordenador do Centro de Endemias, Cesário Rocha “apesar de muitos não se importarem com o cenário que estamos vivendo em relação à doença, boa parte da população está abraçando a causa e ajudando nos trabalhos.

Além dos nossos mutirões, há uma mobilização por parte da comunidade, já somam 15 bairros que tiveram mutirões comunitários realizados com a iniciativa dos próprios moradores. Os canais de denúncias, também, não param. Somente pelo aplicativo Se Liga Sinop recebemos, neste período, 1.292 ocorrências”, relata o coordenador.

Só Notícias/David Murba (foto: assessoria/arquivo)