Geral

Igreja Católica de Sinop prossegue hoje com a Romaria da Paz

Neste domingo muitos fiéis se reúnirão em Sinop na 1ª Romaria de Nossa Senhora Rainha da Paz, realizada pela Igreja Católica, em comemoração as festividades do 26º aniversário do município. O bispo Dom Gentil Delazari visitou hoje a central de jornalismo de Só Notícias e disse que este é um grande sonho da igreja Católica em Sinop. “Queremos estar juntos na busca da paz. Porque é o grande desafio do século XXI, e o papa já pediu ao mundo, para que nos uníssemos, para que o século XXI seja um século da paz. Para isso nós desejamos também na semana do município, que a nossa igreja católica esteja integrada neste sonho de paz que o mundo tem. E também convidamos a todas as igrejas que pertençam ao CONIC (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil), que participem. Nosso objetivo é buscarmos, criando o respeito, um elo de paz junto aquele que nos apresenta aquele que é paz, Jesus”, relatou.

A passeata iniciará às 05 horas com alvorada festiva e queimas de fogos. Às 06 horas será celebrada uma missa na Catedral, e às 07 horas, inicia a procissão com destino à chácara Shallon. A comunidade poderá ir de carro bicicleta ou moto. A primeira parada da Romaria será na capela Nossa Senhora de Lourdes, onde será feita a benção dos carros e entrega de um adesivo símbolo da paz. Na entrada da chácara seguirão à pé até a gruta onde farão uma missa em ação de graças pelo município “pedindo a paz à Nossa Senhor Rainha da Paz para a população da cidade”.

Durante a Romaria também será levada a imagem de Nossa Senhora Rainha da Paz até a gruta, que fica na chácara, “a devoção a Nossa Senhora Rainha da Paz na diocese de Sinop, vem como resposta ao apelo de João Paulo II, feito no início do novo milênio: Convido a todos os homens e mulheres de boa vontade para rezarmos para que o novo milênio seja de Paz” ressalta o bispo, pedindo para que todas as famílias rezem a ‘Oração pela Paz’.

Oração
“Ó Senhor, Deus da vida, que cuidas de toda criação, dá-nos a paz! Que a nossa segurança não venha das armas, mas do respeito. Que a nossa força não seja a violência, mas o amor. Que a nossa riqueza não seja o dinheiro, mas a partilha. Que o nosso caminho não seja a ambição, mas a justiça. Que a nossa vitória não seja a vingança, mas o perdão. Desarmados e confiantes, queremos defender a dignidade de toda a criação, partilhando, hoje e sempre, o pão da solidariedade e da paz. Por Jesus Cristo teu Filho divino, nosso irmão, que, feito vítima da nossa violência, ainda do alto da cruz, deu a todos o teu perdão, Amém!”

A romaria está prevista para terminar às 10 horas.