Geral

Família faz campanha para conseguir fazer translado para o Amapá de vendedor morto em acidente em Sinop

Os familiares do vendedor Vitor Eduardo de Souza de Arruda, de 25 anos, morto, hoje, em acidente de trânsito na avenida Bruno Martini, próximo ao bairro Riviera Suíça, estão fazendo campanha para tentar conseguir R$ 15 mil e pagar o translado do jovem até Laranjal do Jari, no Amapá, onde residem. Vitor estava em uma Honda Pop, quando atingiu um poste de concreto. Com o impacto a moto ficou destruída e ele faleceu na hora.

A tia de Vitor, Patrícia Lafaete dos Anjos, disse, ao Só Notícias, que ele estava morando há cerca de 5 meses na cidade, no Jardim Portinari, e havia conseguido emprego como vendedor. “Ele veio tentar uma vida melhor, Sinop tem mais empregos, mais oportunidades e estava se dando bem. Trabalhou durante à noite e estava voltando para casa quando aconteceu essa fatalidade. Ainda estava de uniforme”, lamentou.

Patrícia continuou relatando que “a família toda está desesperada. O pai, a mãe deles e os irmãos estão sem chão. Não temos o dinheiro para pagar o translado e eles precisam dar o último adeus. Tem que ser de avião, de carro são sete dias para chegar, tem navio. Também precisamos conseguir as passagens, se não para mim, pelo menos para a esposa dele”, disse emocionada.

A família tem poucas horas para conseguir o montante, caso contrário, o sepultamento terá que ser feito em Sinop, longe dos familiares. A campanha arrecadou uma determinada quantia e o traslado está sendo providenciado.

(Atualizada 08:20h em 21/10)

Só Notícias/David Murba (foto: divulgação)