Geral

Desentendimento acaba com dois mortos e um ferido hoje em Sinop

O final de semana começa com uma tragédia em Sinop. Hoje de manhã, por volta das 07:00hs, o funcionário de fazenda Ramon Orlando Silveira, 54 anos, matou Davi Alves dos Santos, 51 anos, e baleou um neto dele. Depois, Orlando atirou contra a própria cabeça e também morreu. O caso aconteceu na rua 15 no Jardim Boa Esperança. Os envolvidos moram no mesmo imóvel, onde há três casas.

Ramon Orlando teria um desentendimento com Davi Alves dos Santos. As causas não foram apuradas. Esta manhã o desentendimento virou tragédia. Armado com uma pistola 380, Ramon deu pelo menos 3 tiros no peito de Davi. Ele ainda conseguiu andar por cerca de 20 metros e caiu na área de sua casa. Morreu praticamente na hora. Depois de atirar em Davi, Ramon baleou o rapaz, de 14 anos, com um tiro no peito.
Em frente a sua casa, no meio da rua, Ramon se suiciou com um tiro na cabeça.
Ele e rapaz foram socorridos e encaminhados ao Pronto Atendimento. Ramon Orlando faleceu agora há pouco. O rapaz recebeu os primeiros socorros no PA e foi transferido para um hospital em Sinop. O estado de saúde dele não foi informado.

A Polícia Civil e PM isolaram a área. A perícia esteve no local e recolheu a pistola 380 que ficou ao lado corpo de Ramon. Havia 7 projéteis no pente. Foram recolhidas cápsulas de pelo menos 6 disparos.

A polícia iniciou as investigações e conversou com algumas pessoas. Um vizinho disse que Davi Alves dos Santos aparentava ser uma pessoa pacata e estava morando no local há poucos dias.