Geral

Coronel Carlos Estevão está fora de perigo, diz médico

“Graças a Deus o Carlos está fora de perigo. O doutor Nadim Amui ( tenente-coronel-PM), o acompanha e também garante que o meu irmão não corre mais risco de vida”, afirmou agora há pouco, por telefone, o coronel Robson
     
O coronel está hospitalizado no Jardim Cuiabá, para onde os dois soldados que estavam na viatura da Polícia Militar no momento do acidente, também estão sendo levados. A identificação dos dois militares, no entanto, ainda não foram fornecidas devido, primeiro o atendimento de emergência.
     
Uma violenta colisão traseira por volta das 13 horas, deixou gravemente ferido o comandante regional de Tangará da Serra, coronel Carlos Estevão de Figueiredo. O oficial, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), ficou prensado nas ferragens da viatura da PM em que viajavam em companhia de dois soldados, um deles motorista da viatura.
     
O acidente aconteceu na altura do km 463 da BR-364, próximo a cidade de Jangada, na Baixada Cuiabana, a cerca de 50 quilômetros de Cuiabá. O coronel Carlos Estevão foi trazido de helicóptero do Grupamento Aéreo (Graer).
     
Ainda segundo informações da PRF, com base no Trevo do Lagarto, em Várzea Grande (Grande Cuiabá) a viatura teria se chocado violentamente contra a traseira de uma carreta, cujo motorista saiu ileso.