Geral

Comarca de Sorriso pode ser ‘rebaixada’

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso, Jurandir José de Lima, foi categórico ao afirmar, no último sábado, que Sorriso poderá perder juízes e ser rebaixada a 2ª entrância. De acordo com o juiz e diretor do fórum de Sorriso, Wanderley José dos Reis, durante uma reunião no último sábado, o presidente disse que o fórum não poderá ser instalado na área doada em dezembro passado para o judiciário.

A área fica em um bairro bastante retirado do centro da cidade. “O juiz considerou a área totalmente inadequada, pois o judiciário não pode ficar instalado em um bairro residencial, distante da população, distante dos advogados, sem área para estacionamento”, explicou o magistrado.

O presidente considerou que a melhor solução seria a desafetação da praça que fica em frente ao paço municipal. “É uma praça de pouco movimento, que totaliza uma área de 9.600 metros, há duas quadras do atual endereço do fórum. Parte dessa praça seria doada ao Judiciário, que devolveria aquela área doada anteriormente e passaria ainda o atual prédio do fórum para o poder público”, disse o diretor do fórum.

Segundo o juiz, foi dado um prazo de 30 dias para que as negociações sejam iniciadas. “Depois disso, ele disse que poderá designar para outras comarcas alguns juízes de Sorriso e com isso a comarca corre risco de ser rebaixada a segunda entrância. Ele ressaltou que espera que isso não ocorra, porque a nossa preocupação é não prejudicar a população de Sorriso” explicou. A questão agora, segundo o juiz, depende da desafetação ser aprovada pelo Poder Legislativo.

Há alguns meses houve uma articulação para que fosse feita uma permuta de imóveis e o fórum fosse instalado no prédio da Câmara Municipal, a prefeitura ficaria com o terreno do fórum e construiria uma nova câmara. Não deu certo devido a várias resistências de lideranças políticas.