Geral

Carteiros de Sinop ainda não aderiram a greve

Os 25 carteiros que trabalham nos Correios em Sinop ainda não aderiram à paralisação feita pelos carteiros no estado. Segundo o coordenador operacional dos Correios em Sinop, Joanilson Rodrigues, não há nenhuma confirmação se os profissionais irão ou não aderir a paralisação. “Aqui o pessoal está aguardando a posição da diretoria regional, de que se vão ou não paralisar”, relatou.

Ele explica que a greve está sendo parcial, e que os profissionais decidiram aguardar o posicionamento da diretoria. Só Notícias apurou que são entregues cerca de 17 mil correspondências por dia em Sinop, e que os carteiros recebem R$ 448. Os profissionais reivindicam um reajuste salarial de 52,23% e a instituição de um piso salarial de R$ 932.