segunda-feira, 26/fevereiro/2024
PUBLICIDADE

Vila Olímpica em Peixoto de Azevedo forma novos atletas

PUBLICIDADE

Alternativa saudável para retirar das ruas e da ociosidade crianças e adolescentes, o esporte é desenvolvido em Peixoto de Azevedo com o apoio do Governo do Estado, integrando atividades e descobrindo também novos talentos esportivos.

Na Vila Olímpica do Município, 518 crianças e adolescentes participam de diversas atividades esportivas, como voleibol, basquetebol, futsal, futebol de campo e atletismo. Nesta terça-feira (21), o governador Blairo Maggi, acompanhado pela prefeita da cidade, Baiana Heller, visitou a vila e conheceu de perto o trabalho coordenado pela equipe de esportes e lazer da Prefeitura Municipal.

Coordenado pelo professor Lenilton Nardini, as atividades são desenvolvidas em uma ampla quadra de esportes da cidade e conta com o apoio do Governo por meio do projeto Segundo Tempo na Comunidade, iniciativa da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), que incentiva crianças, na faixa etária entre 7 e 17 anos, a praticarem modalidades esportivas durante o período em que não estão estudando. “O maior objetivo é evitar que as crianças e adolescentes nessa idade permaneçam nas ruas, e tenham aqui a chance de praticar atividades saudáveis”, destacou o professor.

Com a promoção da inclusão social, a Seel apóia o projeto, firmado por meio de convênio, com custeio de materiais esportivos. O programa funciona três vezes por semana (segundas, quartas e sextas-feiras) e conta com um coordenador e dois estagiários.

Para participar das atividades na Vila Olímpica os estudantes devem obedecer a dois critérios essenciais: estar matriculado e freqüentando a escola e ainda obter bom rendimento nos estudos.

“Para mim é muito bom poder jogar e saber que para continuar participando eu tenho que caprichar nos estudos”, disse o estudante da 5ª série, Joseph Frank, de 10 anos.

Em todo o Estado, 37 Municípios já são atendidos pelo Segundo Tempo, beneficiando e ocupando pela prática esportiva mais de 5 mil crianças e adolescentes. Outros 58 Municípios firmaram convênio com a Secretaria para desenvolvimento do programa. A expectativa é chegar ao atendimento de 19 mil estudantes em todo o Estado.

“Ao ocupar o tempo das crianças buscamos não somente retirá-las das ruas, mas estimulá-las a praticar esporte e obter bom desempenho nos estudos”, reforçou o governador ao elogiar o programa.

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

Inter vence rival Grêmio com gol nos acréscimos e garante liderança do Gaúcho

Neste domingo, o Internacional venceu o Grêmio por 3 a 2, pela 10ª...

Mato-grossense disputará Campeonato Mundial de Atletismo na Escócia

A atleta Lissandra Maysa Campos, do município de Nossa...
PUBLICIDADE