Esportes

Sinop é eliminado da Copa Mato Grosso e treinador defende reestruturação

A goleada que levou do Luverdense, sábado, resultou na eliminação do Sinop Futebol Clube da Copa Mato Grosso que perdeu  as cinco partidas que disputou e mesmo que vença as duas restantes não consegue mais ficar no grupo dos 4 que avançam de fase.

Ao final da partida, em Lucas do Rio Verde o técnico do Sinop, Willian Araújo (que dirige a equipe há menos de 40 dias), criticou a arbitragem, principalmente no lance do primeiro gol (no finalzinho do primeiro tempo), onde ele diz estar convicto que a bola não entrou. “Não quero aqui desmerecer a vitória do Luverdense, mas até sofrermos o primeiro gol, a gente tinha o jogo equilibrado. Ao meu ver, o nosso zagueiro tirou a bola antes de ela entrar, mas mesmo assim a arbitragem deu o gol. Esse foi um lance determinante para o resultado final”, avaliou Araújo.

O treinador também lamentou a desclassificação precoce da equipe no campeonato. “Esse não tem sido um bom ano para o Sinop. Estamos passado por várias dificuldades. Hoje precisamos improvisar em algumas posições, estamos sem recursos para contratar, perdemos jogadores por lesão e não tem muito o que fazer. Agora é procurar terminar a copinha com dignidade e fazer uma reestruturação para o ano que vem” finalizou o treinador.

No primeiro semestre, o Sinop foi eliminado do mato-grossense e também do Campeonato Brasileiro da Série D. Em agosto, foi eliminado pelo Costa Rica (MS) da Copa Verde.

Copa Mato Grosso
1° Luverdense – 10 pontos
2° Cuiabá – 9
3° União – 9
4° Mixto – 8
5° Dom Bosco – 6
6° Operário F.C LTDA – 5
7° Araguaia – 4
8° Sinop – 0

Só Notícias/Altair Anderli, de Lucas do Rio Verde (foto: Só Notícias/Guilherme Araujo/arquivo)