Esportes

Secretário de Esportes avalia que edição dos jogos estudantis representou ‘retomada segura’ de competições com público

O secretário estadual de Esportes, Beto Dois a Um, avaliou que a edição dos Jogos Estudantis de Seleções Mato-grossenses, etapa do handebol masculino e feminino na faixa etária de 15 a 17 anos encerrada ontem, atingiu os objetivos com a retomada das competições e do público aos centros esportivos. Ele esteve em Campo Verde acompanhando a final da competição, que reuniu equipes de diversas cidades, e agradeceu ao Alexandre Lopes pelo desafio “na retomada (das competições estaduais) de forma segura” e com todos cuidados na competição “que é muito importante na formação de novos atletas”.

O prefeito agradeceu a confiança da secretaria de Esportes e do governo estadual pela escolha d cidade ser a sede dos jogos e enalteceu o alto índice técnico dos jogos. “Fico muito feliz por nossa cidade ser uma das sedes dos Jogos Escolares e Estudantis de Mato Grosso. É um evento que estava em falta em nossa cidade devido a pandemia do Covid, mas graças à Deus conseguimos controlar o índice de contagio bem como de óbito tudo baixaram e estamos como posso dizer, com a pandemia controlada. Aqui em Campo Verde não paramos com as atividades escolar e sim com a de esportes, que nesses quase dois anos não promovemos nada, mas agora a situação é diferente”, argumenta.

Sorriso foi campeão da etapa estadual masculino ao vencer Campo Verde, por 24 a 23. No feminino, Primavera do Leste confirmou seu favoritismo e venceu Sorriso por 25 a 20 ficando com o título.

No próximo dia 14, em Nova Mutum, começam os Jogos Estudantis de Seleções Mato-grossenses – etapa estadual do basquete e vôlei para alunos/atletas de 15 a 17 anos no masculino e feminino – e segue até dia 17. Já Sorriso, de 21 a 24, sedia a modalidade do futsal masculino e feminino para a faixa etária de 15 a 17 anos. Ambas as etapas também são realizadas pelo governo através das secretarias de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) e de Educação (Seduc) em parceria com as prefeituras.

Só Notícias (foto: Só Notícias/Guilherme Araujo/arquivo)