Esportes

Guilherme Lawisch é eleito presidente do Luverdense

O novo presidente do Luverdense Esporte Clube é Guilherme Lawisch que foi eleito, há pouco, por aclamação, ao cargo máximo da agremiação. O mandato começa em janeiro do ano que vem. Guilherme é filho do atual presidente Helmut Lawisch que deixará o cargo no dia 31, após 16 anos à frente do time de Lucas do Rio Verde e será o novo gerente de futebol. “A gente tem que primeiramente trabalhar muito, contar com o apoio da sociedade novamente. Eu relutei muito para assumir porque no fundo do coração acreditava que fosse alguém novo, mas fui convencido. Muita gente reclama que não consegue ajudar o Luverdense, quem quiser ajudar será bem vindo. Temos vários planos para ajudar. Mas, antes de tudo isso temos que retomar o orgulho de ser o Luverdense. Dentro do Luverdense sei tudo que acontece no dia a dia, não é um desafio enorme na questão de gestão e sim de angariar recursos”, disse o novo presidente.

A eleição era para ter acontecido na semana passada, mas não houve nome para disputar o cargo. “Fizemos um chamamento e o pessoal respondeu. Para iniciar a temporada tem recursos, mas nós temos responsabilidade e não queremos que a sociedade passe vergonha com o Luverdense. Tem que ter recurso para fazer a temporada toda. Independente de ganhar ou perder. Temos Copa do Brasil, que se passar de fase ganha, mas não podemos contar com isso, temos adversários. Conseguimos fechar um orçamento básico que dá para fechar um ano sem susto”, disse sem revelar qual. “Vamos humildemente continuar nossa contribuição procurando acertar, respeitando as críticas do torcedor”, disse o atual presidente, Helmut Lawisch.

Além disso o novo treinador o Luverdense, José Roberto Lucini chegou em Lucas para comandar o time. Ele estava morando em Curitiba (PR). A apresentação oficial da equipe para o Campeonato Mato-grossense da primeira divisão que começa em janeiro e o Brasileiro da Série D ainda não foi divulgada.

Ele é quem vai vai definir o auxiliar técnico e preparador físico. O clube manteve os 14 jogadores do grupo que foi campeão da Copa Mato Grosso, mês outubro, e garantiu vaga na Copa do Brasil,  e contratou mais 8 – alguns indicados pelo futuro treinador. Nomes e posições não foram anunciados. A tendência é até mês que vem fechar mais 3.

Foto: Só Notícias