Esportes

Flamengo vende atacante mato-grossense por R$ 45,5 milhões para time saudita

Após semanas intensas de negociação, o Flamengo fechou hoje a venda do mato-grossense Michael, de 25 anos, ao Al Hilal, da Arábia Saudita, que disputará o Mundial de Clubes em fevereiro. O time carioca receberá mais de R$ 45,5 milhões à vista pela venda do atacante.

A informação foi divulgada, há pouco, pelo portal Globo Esporte. O jovem atacante terá contrato de três anos e receberá mais de R$ 12,9 milhões anualmente. Ele deve embarcar nesta sexta-feira com destino ao novo clube e ainda pode ser inscrito para disputar o Mundial.

Michael é natural de Poxoréu (260 quilômetros de Cuiabá) e foi eleito pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a revelação do Campeonato Brasileiro da série A em 2019, quando defendia as cores do Goiás.

Em janeiro de 2020, ele foi comprado Flamengo em negócio que movimentou 7,5 milhões de Euros (R$ 34,1 milhões na cotação da época). A venda foi a mais cara dos 76 anos de história da equipe goiana e a sétima compra mais cara de um clube brasileiro.

No Rubro-Negro, Michael viveu altos e baixos, conseguindo se firmar na temporada passada. Em seu primeiro ano, acumulou 43 jogos, com apenas três gols anotados. Ano passado, chegou a ser um dos jogadores mais importantes do elenco, com 62 partidas e 19 gols.

Anteriormente, o Corinthians foi o primeiro time a tentar comprar Michael, ofereceu ao Esmeraldino 5 milhões de Euros, cerca de R$ 22,6 milhões não aceito pelo time goiano.

Redação Só Notícias (foto: Marcelo Cortes/assessoria/arquivo)