Esportes

Ex-presidente reassume o Sinop e contrata Birigui como gerente de futebol

Agnaldo Turra confirmou, há pouco, que reassumiu a presidência do Sinop Futebol Clube. A decisão conforme Só Notícias adiantou ocorreu, ontem, durante uma reunião com membros da diretora. O empresário Luís Felipe Di Domênico estava no comando do clube após ex-deputado Dilceu Dal’Bosco deixar a presidência, em maio do ano passado.

Ele adiantou que a primeira contração é do ex-técnico do Sinop, Marcos Birigui, que inicialmente será gerente de futebol e terá como desafiou montar a equipe para a estreia no Campeonato Brasileiro da Série D contra Iporá, de Goiás, no dia 5 do próximo mês. Não foi confirmado se o treinador Gianni Freitas permanecerá no comando do time. Ele conduziu a equipe que, este ano, chegou nas quartas de final e perdeu a vaga para o Luverdense.

Turra foi presidente do Sinop por 2 anos e 5 meses. Ele assumiu em 2015 após renúncia de Marcos Carrasco. No comando do Galo do Norte, chegou dois anos seguidos na final do Campeonato Mato-grossense com Birigui comandado a equipe.

Apesar do bom desempenho, Birigui não conseguiu títulos. Foram dois vices do Campeonatos Mato-grossenses nas finais com Luverdense, em 2016, e Cuiabá, em 2017.  Na Copa do Brasil, o Galo caiu, após perder para o Fluminense, no Gigante do Norte, por 3 a 1.

O objetivo de conseguir uma vaga na Série C do Campeonato Brasileiro também não foi atingido. Em 2016, a equipe não venceu e terminou na lanterna. Em 2017, a campanha se repetiu e, mais uma vez, o clube deixou a competição sem vitórias.

 

Só Notícias/Cleber Romero (foto: Só Notícias/arquivo)