Esportes

Cuiabá e Operário decidem amanhã uma vaga para a 3ª fase do Mato-grossense

Tanto o bicampeão Cuiabá quanto o Operário-VG, necessitam apenas da vitória amanhã na última rodada da primeira fase do Mato-grossense para se classificaram para a fase seguinte do certame. A derrota do Operário de 2 a 1 para o Tangará, na noite de quinta-feira, pode deixar a capital sem representante nesta reta final do Campeonato Mato-grossense. O maior beneficiado na penúltima rodada da segunda fase foi o próprio time de Tangará da Serra, que passou a ter boas chances de classificação.

Na sétima posição com oito pontos ganhos, o time treinado por Nelson Vasquez, pega na rodada decisiva deste domingo o fraco e lanterninha São José, no estádio Aparecido Briante, podendo chegar a 11 pontos.

Já Operário e Cuiabá, que se enfrentam no Verdão, precisam da vitória. Em caso de empate entre os dois times e o Tangará ratificar a vitória em São José do Rio Claro, Tricolor e o atual campeão acabam “morrendo abraçados”.

O Operário ainda se classifica à terceira fase com uma igualdade, porém, com o Tangará também empatando e sendo derrotado pelo São José. Ao Cuiabá treinado por Oscar Conrado resta a vitória.

“Agora é matar ou morrer. Com a derrota do Operário, uma luz no fim do túnel acabou surgindo para nós. E com certeza não iremos perder esse foco”, disse o técnico do Cuiabá Oscar Conrado, ao jornal A Gazeta ressaltando que o elenco está “muito motivado”.

A briga pela primeira colocação entre União e Vila Aurora também promete. Quem ficar na segunda posição, hoje ocupada pelo “Tigrão”, pode ter na terceira fase – sistema mata-mata – Cuiabá ou Operário – em caso de vitória de um dos dois times.

Com 17 pontos, o Colorado joga por simples empate para terminar na liderança da fase. Na rodada de quinta-feira União e Grêmio Jaciarense empataram em 2 x 2, quando o Colorado manteve a invencibilidade, com um gol a 2 minutos do final.