Educação

Sinop: 16 mil alunos começam estudar nesta 4ª feira na rede municipal

Cerca de 16,4 mil alunos da rede pública municipal de ensino retornarão às aulas nesta quarta-feira, em 38 unidades escolares em Sinop. A equipe da secretaria municipal de Educação, Esporte e Cultura esteve, durante o período das férias, preparando os ambientes escolares e distribuindo para as unidades merenda, material de expediente, entre outros suprimentos para receber os estudantes neste momento tão aguardado. As crianças e adolescentes cumprirão uma carga de, no mínimo, 200 dias letivos e 800 horas.

“Nossa meta em 2019, juntamente com os professores, é melhorar cada vez a qualidade do nosso ensino. Já entregamos os livros para as escolas, estamos preparando os conjuntos escolares para que nossas crianças iniciem dia seis já recebendo os uniformes”, afirmou a prefeita Rosana Martinelli.

Ano passado, a prefeitura adquiriu exemplares diversos de livros para as bibliotecas escolares. A Educação Infantil recebeu 475 volumes de livros, e os Ensinos Fundamentais I e II outros 445 e 424 volumes, respectivamente. O montante total investido foi de R$ 447 mil. No tocante aos parques, foram adquiridos, ao todo, 45 unidades, dos quais 41 aparelhos para as escolas municipais e outros quatro para praças esportivas. Foram aplicados R$ 1,710 milhão em recursos próprios.

A secretária de educação, Veridiana Paganotti, informou que o momento é expectativa pelo início de mais um ano letivo. “É um período longo de férias, mais de 40 dias afastados das unidades e essas crianças voltam com bastante gás, prontos para aprender. Os professores também estão descansados para poderem ter esse momento, a volta às aulas, tão esperada pelos alunos de uma maneira bem gratificante”, explicou, através da assessoria.  “Os parques que foram instalados nas escolas são uma novidade, pois nunca tivemos parque nas escolas, somente nas unidades de Educação Infantil. Temos também as escolas reformadas, banheiros que foram restaurados, telhados, parte elétrica, calçadas e, principalmente, os uniformes. As crianças vão receber o conjunto escolar composto por bermuda ou a calça, tênis e camiseta. Isso vai fazer um diferencial, fazendo com que as crianças se sintam iguais dentro do perímetro escolar”, concluiu.

 

Só Notícias