Educação

Secretária cobra definição da instalação da escola militar em Lucas do Rio Verde

A secretária Municipal de Educação, Cleusa De Marco, reuniu-se com coordenadores da secretaria estadual de Educação, para solicitar agilidade no processo de implantação da Escola Militar em Lucas do Rio Verde. Ele pediu posicionamento com a confirmação da implantação da escola, visto que a comissão de reordenamento já está organizando as matrículas para o ano letivo de 2018 e o cronograma da secretaria estadual é fundamental para distribuição de vagas nos respectivos zoneamentos. 

A Seduc informou que está sendo avaliado o processo de implantação da escola militar, no entanto, algumas questões ainda precisam ser alinhadas, inclusive o local para instalação da escola. É estudada a possibilidade de compartilhamento do prédio do Ceja José de Alencar. “Nossa secretaria não tem poder de decisão nesse caso, quem tem gerência nesse processo é a secretaria de Estado”, informou a secretária, através da assessoria.

No cronograma da secretaria estadual, Sinop deve receber a escola militar ano que vem. Este ano, foi instalada em Sorriso e sete cidades.

A escola militar segue a matriz curricular na rede estadual, com o desenvolvimento nos alunos do sentimento de amor à Pátria, da sadia mentalidade de disciplina consciente, do culto às tradições nacionais, regionais e do respeito à cidadania e aos direitos humanos. É permitido aos militares ministrarem aulas na educação básica, desde que devidamente habilitados para docência nas áreas específicas, conforme os procedimentos para atribuição adotados pela Seduc.