Educação

Aulas serão retomadas presencialmente para mais de 15 mil alunos da rede municipal em Sorriso

A secretaria municipal de Educação traçou estratégia e as aulas presenciais deverão ser retomadas de forma presencial para mais de 15 mil alunos matriculados nas 22 escolas e 13 Cemeis da rede municipal de Sorriso, no próximo dia 8. O retorno será gradativo, escalonado e também há formato online para os pais que não estão seguros em mandar os filhos para as unidades, além das crianças do grupo de risco.

Hoje de manhã, a secretária municipal de Educação e Cultura, Lúcia Drechsler apresentou ao Poder Executivo, Legislativo e ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorriso o plano para o retorno às aulas. “Agora o próximo passo é a sociedade entender, assim como foi na rede privada, o cumprimento das normas que serão colocadas pela escola para ter a segurança desse trabalho. Os alunos vão voltar de forma gradativa, vão ter aulas escalonadas para podermos respeitar o distanciamento em sala de aula”, expôs a secretária.

De acordo com a secretária, o distanciamento conforme recomenda o Ministério da Saúde será respeitado, além das normas vigentes. “Não teremos espaços para todos ao mesmo tempo, mas é um grande avanço porque as famílias terão professor para explicar as atividades, terá professor para auxiliar essa criança”.

A modalidade online não será descartada, mas haverá vigilância para garantir que as atividades estão sendo concluídas pelos alunos que não retornarem as salas. “Os pais que não estão com segurança ou as crianças que são do grupo de risco, vão continuar recebendo as atividades de forma remota, organizada em espaço adequado para ser retirado. Quem é de fazenda, o transporte escolar continuará. Também haverá comunicação efetiva pelo WhatsApp”.

Sobre as atividades a secretária garantiu que “não é mais uma opção. Uma vez que a aula vem ser de forma presencial, os pais vão ter a responsabilidade de não mandar o filho, buscar as atividades e realmente fazer. A criança vai passar por processo de avaliação, processo de acompanhamento e deverá estar aprendendo também.

Só Notícias/David Murba (fotos: assessoria)