Economia

Setor industrial de Mato Grosso registra maior crescimento na produção do país

As indústrias mato-grossenses registraram, em novembro, nova alta nas atividades de produção em diversos setores e o Estado foi líder nacional no levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e divulgado ontem. O crescimento foi de 14,6%, Santa Catarina ficou em segundo com 5% e Pará 3,5%, Rio Grande do Sul 1,2%, São Paulo 1%, Minas Gerais 0,8% e Goiás 0,1%.

Mato Grosso intensificou o crescimento de outubro (3,4%), quando interrompeu quatro meses consecutivos de queda na produção, período em que acumulou redução de 7,0%. Santa Catarina e Pará eliminaram, respectivamente, parte das perdas de 6,3% e de 4,7% acumuladas no período setembro-outubro de 2021. Rio Grande do Sul (1,2%), São Paulo (1,0%), Minas Gerais (0,8%) e Goiás (0,1%) apresentaram as demais taxas positivas.

O IBGE também constatou que, na comparação com novembro de 2020, Mato Grosso teve expansão de 28,0% com crescimento mais elevado impulsionado, em grande parte, pelo avanço observado na atividade de produtos alimentícios.

No acumulado de janeiro a novembro, porém, a atividade industrial em Mato Grosso tem queda de 3%.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)