Economia

Nova Mutum ganha mais de mil novas empresas; maioria no comércio varejista

Nova Mutum ganhou 1.021 novas empresas, de variados setores nos nove meses deste ano. Já durante os 12 meses de 2020, o município teve 991 aberturas, isto é, a quantidade alcançada em nove meses já ultrapassou em pouco mais de 3%. O levantamento é com base nos dados divulgados pelo governo Federal.

Além disso, o aumento é de 43,8% considerando o mesmo período de 2020, quando 710 estabelecimentos comerciais iniciaram suas atividades. A média em 2021 é de mais de 113 novos empreendimentos a cada mês (era de 78) e aproximadamente três a cada dia (era de pouco mais de dois).

Este ano, em janeiro foram 116 novos estabelecimentos iniciando suas atividades, enquanto em 2020 houve 68 (cresceu 70,58%). Em fevereiro foram 110 e 68 ano passado, ou seja, 61,76% a mais. Em Março 136 iniciaram atividades, ante 71 (91,54%). Em abril foram 111 empresas abertas e 60 em 2020, aumento de 85%.

Em maio deste ano o aumento foi de 18,42% em relação ao ano passado, com 90 ante 76. Em junho foram 87 ano passado e 129 neste (48,27%), julho 104 ante 115 (10,57% a mais em 2021). Agosto de 2021 fechou com 112, enquanto no passado 97 (15,46%), enquanto setembro com 104 ante 79 (31,64% a mais).

Atualmente, Nova Mutum tem 5.466 empresas ativas. Destas, 5.028 são matrizes e outras 438 filiais. Em 2021, 305 fecharam as portas, e no último ano 311 (durante os 12 meses).

Das novas empresas, 320 atuam com comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios, 259 com transporte rodoviário de carga, exceto produtos perigosos e mudanças, intermunicipal, interestadual e internacional, 201 com obras de alvenaria, 165 são cabeleireiros, manicure e pedicure, 155 promoção de vendas, e mais 132 lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: arquivo/assessoria)