Economia

Mato Grosso tem aumento de 11,5% na geração de empregos formais no semestre

As empresas e indústrias mato-grossenses fizeram, no primeiro semestre, 309 mil admissões de funcionários e dispensaram 258,9 mil. O saldo positivo é de 50 mil funcionários admitidos a mais. Em comparação com o primeiro semestre do ano passado o resultado é 11,5% maior.

O setor de Serviços liderou com 20 mil funcionários contratados a mais, a agropecuária 9.545, comércio 7.535 empregados, na indústria são 6.560 admitidos e na construção civil 6.362 pedreiros, serventes admitidos a mais.

O balanço mais recente, do ministério da Economia, é que em maio o saldo foi de 53.941 admitidos a mais em todos os segmentos da economia.

“Mato Grosso tem se destacado e muito na geração de empregos, o que ajuda a fortalecer o consumo e a reduzir a inadimplência. No segundo semestre a tendência é termos redução no número de empregos gerados pelo agro, porém um aumento pelo comércio com a chegada de datas relevantes para o movimento das vendas no varejo, tais como Dia dos Pais, Semana Brasil, Dias das Crianças, Black Friday e Natal”, analisa o superintendente da CDL Cuiabá, Fábio Granja.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)