Economia

Máquinas agrícolas começam a chegar ao centro de Sinop

Neste momento, cerca de 300 produtores rurais de Sinop estão chegando na frente da agência do Banco do Brasil próximo a Praça das Bandeiras. Eles estão colocando diversos maquinários que estavam no Alto da Glória, ontem durante o movimento SOS Rural, na frente da agência.

O objetivo dos produtores é colocar máquinas também na frente da agência que fica próximo a Catedral, mas Só Notícias apurou que até o momento não tem movimentação no local. O objetivo dos agricultores é impedir a abertura das agências como forma de protesto pela crise que estão atravessando, pois é o banco quem libera custeio para produção, mas eles aguardam uma posição da Famato.

Segundo um dos organizadores do movimento, Adilson Jacinto, o número de pessoas deve aumentar e logo em seguida se dará início ao movimento na frente da segunda agência. “Estamos servindo mais de 1,5 mil almoços por dia. Tem muita gente aqui”, salientou.

Eles cobram mudanças na política econômica devido aos baixos preços da soja, milho, arroz e algodão; liberação de recursos do FAT- Fundo de Amparo ao Trabalhador- para que possam pagar dívidas da safra passada e da atual, dentre outras questões.