Economia

Índice de Confiança do Empresário tem queda de 4,6% em Cuiabá, diz pesquisa

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio, em Cuiabá teve queda de 4,6%, chegando a 117,6 pontos no mês passado, segundo dados da pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, em parceria com o Instituto de Pesquisa e Análise da Fecomércio.

O índice atual está 7,3% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, quando somava 109,6 pontos. A pesquisa é a única que mostra avaliação satisfatória para as empresas do comércio, por estar acima dos 100 pontos, com limite em 200.

Segundo o presidente da Fecomércio, José Wenceslau de Souza Júnior, o otimismo do empresário sempre é fator preponderante para o bom resultado da pesquisa. “Os empresários estão recuperando a confiança no crescimento da economia. Isso nos motiva, já que o psicológico é o principal fator para a economia ter um bom desempenho”, afirmou.

Outro aspecto relevante da pesquisa é com relação ao indicador de contratação de funcionários. Apesar da queda de 4,1% sobre o mês anterior, o indicador chegou a 106,6 pontos, a mesma que a verificada em abril do ano passado. Das 181 empresas entrevistadas, 28,8% pretendem contratar muito, outras 47,5% contratar pouco. No mesmo período do ano passado, eram 17% e 39,1%, respectivamente.

“Com a imunização da população contra a Covid-19 em andamento e a normalidade sendo restabelecida posteriormente, o comerciante voltará a ficar muito mais confiante com o aumento da circulação de pessoas pelas ruas. Estamos caminhando para a retomada do crescimento de forma lenta, mas é o que precisa ser feito, sempre respeitando todas as medidas de biossegurança e, assim, evitar novas medidas de restrição das atividades econômicas”, explicou o presidente da Fecomércio.

Redação Só Notícias (foto: assessoria)