Economia

Cai 3,6% índice do medo do desemprego e aumenta satisfação com a vida em Sinop, diz pesquisa

O índice que mede o medo de ficar desempregado registrou 114,53 pontos em Sinop em outubro, queda de 3,6% em relação ao mês anterior, quando o resultado foi de 118,79%. O indicador tem base 100, e quanto maior o número, mais alto é o receio do desemprego.

Este é o menor resultado alcançado em seis meses. Em maio foi de 126,87 pontos, abril 135,29 pontos, junho resultou em 121,65, julho 119,75. Em agosto foi o mais aproximado do atual, com 115,38.

Outro termômetro social com bom resultado é o índice de satisfação com a vida, que também tem base 100 e quanto mais alto o número, maior o indicativo de felicidade. Em outubro, alcançou 101,46 pontos, 4,2% maior em relação a setembro, com 97,41.

Já em junho, o indicador foi de 93,4 pontos, julho 91,18 (mais baixo do ano), e agosto com leve recuperação, em 97,41.

Os dados foram apontados pelo Centro de Informações Socioeconômicas (Cise), da Unemat, na pesquisa realizada mensalmente em parceria com a Câmara dos Dirigentes Lojistas.

Conforme Só Notícias já informou, a inflação em Sinop subiu 0,62%, em outubro, e ficou abaixo do percentual nacional de 0,64%. Entre os setores que mais impulsionaram a alta estão de alimentação 1,87%, residência 0,97%, habitação 0,44%, transporte 0,41% e vestuário. O setor da saúde foi o único que apresentou recuo de 0,40%.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: assessoria/arquivo)