Economia

Aumento da inflação em Sinop é impulsionado pelo setor da alimentação

A inflação em Sinop subiu 0,62%, em setembro, e ficou abaixo do percentual nacional de 0,64%. Os dados foram apontados pelo Centro de Informações Socioeconômicas (Cise), da Unemat, na pesquisa realizada mensalmente em parceria com a Câmara dos Dirigentes Lojistas.

Entre os setores que mais impulsionaram a alta estão de alimentação 1,87%, residência 0,97%, habitação 0,44%, transporte 0,41% e vestuário. O setor da saúde foi o único que apresentou recuo de 0,40%.

No acumulado dos últimos 12 meses, está em 3,63%, e é superior ao nacional (3,14%). Em agosto a taxa foi de 0,82%, julho 0,27%, junho 0,21%, maio com queda de 0,22%, abril com redução de 0,15%, março 0,13%, fevereiro 0,39% e janeiro 0,31%.

Sinop também apresenta índice superior ao nacional quando é considerado o acumulado de 2020, registrando 2,38% ante 1,34% da média no país.

Comparativamente à economia brasileira, a taxa de inflação em Sinop no mês de setembro seguiu a tendência de alta observada pelo IPCA, que foi divulgado pelo IBGE. O aumento da inflação neste mês aponta uma aceleração no aumento dos preços devido ao aumento da demanda e a desvalorização cambial.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: Ney Pinheiro/assessoria)