Economia

Aumentam taxas de juros de crédito para pessoas física e jurídica

  

As taxas de juros das operações de crédito tanto para pessoa física como jurídica apresentaram elevação em fevereiro, segundo levantamento realizado pela Associação Nacional dos Executivos de Finanças (Anefac). Nas operações de crédito para pessoa física, a linha de juros do comércio subiu de 6,01% para 6,10% ao mês. Já no cartão de crédito a taxa passou de 10,11% para 10,13% ao mê; no cheque especial de 8,31% para 8,43% ao mês; no Crédito Direto ao Consumidor (CDC) dos bancos a taxa mensal passou de 3,23% para 3,88%. Para a modalidade de empréstimo pessoal dos bancos a taxa de juro avançou de 6,21% para 6,28% ao mês e nas financeiras de 11,67% para 11,91% ao mês.No segmento para pessoa jurídica, a taxa mensal de juro para capital de giro passou de 4,14% para 4,53%; desconto de duplicata de 3,94% para 4,15%; desconto de cheque de 4,13% para 4,17%; conta garantida de 5,75% para 5,77%.De acordo com o documento enviado à imprensa, Miguel José Ribeiro de Oliveira, vice-presidente da Anefac, lembra que estas elevações foram ocasionadas em função do aumento da taxa básica de juros promovida pelo Banco Central em fevereiro, que elevou a Selic de 18,25% para 18,75%.Entretanto, as elevações promovidas nas taxas de operações de crédito foram superiores ao efeito da elevação da taxa básica de juros. Na pessoa física a taxa média teve uma elevação de 5,42 pontos percentuais ao ano, e na pessoa jurídica uma alta de 3,34 pontos percentuais ao ano.