Economia

Aumenta 4,1% número de veículos no trânsito de Alta Floresta e motos são maioria

Aumentou em 4,1% o tamanho da frota de veículo no trânsito de Alta Floresta (300 quilômetros), no período de um ano. Em janeiro de 2020, o município contabilizava 47,1 mil veículos. Em janeiro deste ano, segundo dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o total aumentou para 49 mil.

As motocicletas são maioria no trânsito altaflorestense, com 17,4 mil unidades. Na sequência aparecem os carros (12,9 mil), as motonetas (8,4 mil), caminhonetes (5,6 mil) e caminhões (1,6 mil).

Abaixo de mil unidades estão as camionetas (849), os reboques (461), semirreboques (453), utilitários (301), caminhões-tratores (296), ciclomotores (238), ônibus (177), micro-ônibus (46), side-cars (10), triciclos (10), trator-rodas (1) e outros 3 não especificados.

Conforme Só Notícias já informou, em Nova Mutum, a frota tem maioria de carros e cresceu 6,7% em um ano, passando 31,4 mil para 33,4 mil veículos, entre 2020 e 2021. Em Lucas do Rio Verde, a frota de veículos cresceu 7,06% no último ano. O número de unidades trafegando na capital da agroindústria subiu de 52,2 mil, em janeiro do ano passado, para 55,8 mil, em janeiro de 2021.

A frota de Sinop também cresceu entre janeiro de 2020 e janeiro deste ano. Segundo dados do Denatran, o total de veículos na capital do Nortão subiu de 126 mil para 133 mil, no período de 12 meses.

Em Sorriso, o total de veículos de Sorriso registrou crescimento de 6,4% em 12 meses. Em janeiro do ano passado, o município contabilizava 75,8 mil veículos. Em janeiro deste ano, a frota atingiu mais de 80,6 mil unidades.

Só Notícias/Herbert de Souza (foto: Tchélo Figueiredo/assessoria)