Agronotícias

Vice-presidente da Famato passa a integrar comissão nacional da CNA

A Comissão Nacional de Cereais Fibras e Oleaginosa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) tem novo vice-presidente Ricardo Arioli Silva, que é produtor rural no município de Tangará da Serra e representará a Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato).

Arioli atribui a escolha para o cargo ao fato de ser associado a um sindicato rural. Para ele, o produtor estar ligado a um sindicato lhe dá a oportunidade de participar de discussões importantes relativas à sua cadeia produtiva. “A opinião do produtor é ouvida no sindicato rural, em seguida encaminhada para a Federação, que no caso de Mato Grosso é a Famato. A federação leva as demandas para as comissões nacionais da CNA que por sua representatividade consegue fazê-las chegarem aos poderes em Brasília”, explicou Arioli.

Ele participou das discussões sobre a fiscalização trabalhista nas propriedades rurais, importação de adubos e defensivos e isenção de impostos no caso de exportação da produção, como também a isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestações de Serviço (ICMS) (acordo entre estados) na compra de insumos agrícolas (em operações interestaduais).

Arioli orientou os produtores de Mato Grosso a participarem de reuniões no sindicato rural. “Participar de reuniões nos sindicatos também é tarefa de trabalho do produtor. Nessas reuniões o associado pode apresentar as demandas da sua atividade rural. Tendo o conhecimento, o sindicato faz chegar aos poderes que resolve o problema, seja na agricultura como na pecuária. O sistema sindical rural é um canal aberto para o produtor”, reforçou o vice-presidente, através da assessoria.

Só Notícias