Agronotícias

Preço do boi e vaca de fevereiro em Mato Grosso foi 29% maior que ano passdo

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária constatou que, ao contrário de janeiro, quando a arroba do gado caiu 5,99% em um mês, em fevereiro o movimento se inverteu. Mesmo que a recuperação não tenha sido total, a média mensal da arroba paga à vista ficou em R$ 177,21, valorização de 2,27% ante a janeiro.

“Este movimento esteve atrelado ao bom volume de chuvas no Estado, o que permitiu a permanência do gado no pasto e resultou em uma menor oferta de animais para abate. No comparativo anual, os preços do mês passado estão 29,17% superiores, pois, em 2019, os mercados internos e externos não estavam com o mesmo apetite que em 2020. Ao analisar o atual cenário, a entrada da quaresma tem influenciado em uma menor demanda interna, porém pode ser considerada pontual. Diante disso, as escalas de abate estão largas, em torno de 6,58 dias na média estadual, com regiões em 9 dias, como a Oeste. Contudo, as exportações ainda permanecem em bons volumes, o que pode trazer sustentação aos preços mato-grossenses”, concluem os analistas do instituto no boletim semanal.

Na semana passada, os preços do boi e da vaca gorda foram cotados em média de R$ 183,11/@ e R$ 173,02/@, respectivamente.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria/Jair Siqueira)