Agronotícias

Mato Grosso começa a colher gergelim e preços estão em alta, afirma Conab

A colheita do gergelim começou em Mato Grosso. De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o Estado, que será o maior produtor do grão nesta safra, destinou 157 mil hectares para a cultura, 196% a mais que os 53 mil cultivados na safra passada.

Até o momento, segundo a Conab, cerca de 1% da área foi colhida. As atividades começaram em maio, mas conforme a companhia, a maior parte da colheita deve se concentrar mesmo entre os meses de junho e final de julho. O clima, neste momento, tem favorecido as lavouras, diz a companhia.

Além da “boa adaptação da cultura ao clima do estado”, a Conab aponta outra fator como decisivo para aumento do cultivo do gergelim em Mato Grosso. “Em relação ao mercado, os preços têm obtido suporte devido ao dólar em alta, obtendo cotações superiores a R$ 3 por quilo, por ser vinculada ao mercado externo”.

Conforme Só Notícias já informou, a Companhia calcula produtividade média de 799 kg por hectare, que deverá resultar em 125,4 mil toneladas de gergelim produzido em Mato Grosso, 203% a mais que na safra passada, quando o Estado produziu 41,3 mil toneladas.

Em 2019, segundo o Ministério da Agricultura, a exportação de gergelim rendeu US$ 25,5 milhões. Os principais compradores foram Vietnã, Turquia, Guatemala e Arábia Saudita. Em janeiro deste ano, o Ministério anunciou um acordo de venda do gergelim para o mercado indiano.

Só Notícias/Herbert de Souza (foto: assessoria/arquivo)