Agronotícias

Custo da soja transgênica em Mato Grosso sobe 2,3%

O relatório de custo de produção para a soja transgênica da safra 2021/22 referente ao mês passado registrou uma alta de 2,37% no custeio ante a maio. A informação é do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA). Um dos principais motivos para a alta se deve ao aumento considerável (+5,01%) no custo da semente e nos fertilizantes em geral (+2,59%) –ressaltando a variação de +10,82% no micronutriente –influenciado pelo avanço da comercialização devido à aproximação da próxima safra.

Além disso, com a alta no preço do combustível, as operações mecanizadas apresentaram um aumento de 2,55%, mas, em contrapartida, foi possível registrar uma diminuição de 1,59% na mão de obra, devido à queda no preço da saca de soja no último mês, ficando estimada em R$ 98,89 ante R$ 100,47 no mês de maio. Por fim, o custo operacional efetivo (COE) ficou estimado em R$ 3.943,68, um aumento de 1,90% em relação ao mês anterior.

Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)