SocialNews

Rainha Elizabeth deixará de usar pele de animais em suas roupas

O jornal Daily Mail revelou esta semana uma decisão histórica da Rainha Elizabeth II: ela não comprará mais roupas feitas com pele de animais.

Segundo a publicação a monarca inglesa decidiu que não acrescentará novas peles em seu guarda-roupas.

Isso foi revelado por Angela Kelly em seu novo livro de memórias. Angela é a responsável pela vestimenta da rainha e seu braço direito, e declarou que em breve todos os casacos de pele serão substituídos no guarda-roupa real.

“Se vossa majestade precisar comparecer a algum lugar em um dia muito frio, serão usadas somente peles falsas para aquecê-la”, explica.

Algumas peles da monarca, como um casaco com pescoço e mangas de vison que a própria Kelly desenhou para a visita de Elizabeth a Eslováquia em 2008, começaram a ser substituídos.

Essa decisão histórica foi confirmada pelo Palácio de Buckingham, embora com o anúncio veio acompanhadas algumas orientações:

“Para as roupas novas desenhadas para a rainha, serão usadas apenas peles falsas. Isso não significa que todas as peles das roupas já existentes serão substituídas ou que a rainha nunca mais a usará. A rainha continuará usando as roupas que já tem.”, justifica.

Vale lembrar que em 2013 a rainha Elizabeth II foi severamente criticada pelos defensores dos animais por vestir peles. Kate Middleton também, quando em 2006 usou um chapéu de vison, e as críticas também alcançaram a Duquesa de Cornualles, Camilla, que em 2009 usou uma estola de pele de coelho. Hoje, porém, aplaudem a decisão da rainha e confiam que isso será um exemplo no país.

OFuxico (Foto: Reprodução/Instagram)