SocialNews

Grávida de 6 meses, Meghan Markle combina vermelho e roxo em look

Meghan Markle fez seu segundo evento do ano. Depois de visitar a ONG Smart Works, a Duquesa de Sussex foi visitar a nova escultura no Hamilton Square, que marca os 100 anos da morte do poeta militar inglês Wilfred Owen, em Birkenhead, nesta segunda-feira (14). Acompanhada de príncipe Harry, seu marido, a ex-atriz apostou para a ocasião a tendência color blocking para seu look: trench coat longo e scarpin vermelho e vestido roxo. Segurando a barriga e usando uma peça justa, ela deixou o barrigão de seis meses ainda mais em evidência.

Duquesa mantém segredo sobre sexo do bebê

Recém-convidada para fazer a parte final da série ‘Suits’, Meghan foi inundada de perguntas sobre o primeiro filho do casal. Segundo a revista “People”, a cunhada de Willians respondeu que o bebê real está previsto para vir ao mundo em abril, durante a primavera na Europa. “Ela disse que sua gravidez foi tão rápida”, disse uma fonte à publicação. Já uma mulher presente no local, perguntou sobre suas produções elegantes: “Eu perguntei a ela como ela estava lidando com os saltos altos. Ela disse: ‘Um dia de cada vez!'”. Uma criança, chamada Kitty Dudley, 9 anos, da Escola Primária de St. Anne, contou também sua conversa com a duquesa. “Meghan veio até mim e perguntou-me quantos anos eu tinha e se fui para a escola. Perguntei se ela estava à espera de um menino ou uma menina e ela disse: ‘Não sabemos se é um menino ou menina, estamos mantendo isso como uma surpresa'”.

Meghan Markle cogita dar à luz no St. Mary

De acordo com o jornal “Daily Star”, Meghan e Harry decidiram que seu primeiro filho não vai nascer no hospital St. Mary, o mesmo em que a aniversariante do mês Kate Middleton deu à luz seus herdeiros George, Charlotte e Louis, caçula entre os irmãos e que já aprendeu o aceno Real. A maternidade também foi o mesmo local onde a princesa Diana pariu Harry e William. Entretanto, uma fonte revelou que há possibilidades do casal optar pelo Frimley Park, em Surrey, para o parto. “Eles acham que vai ter menos caos e será um evento mais privado do que se ela der à luz em Londres no St. Mary”, explicou o informante.

Purepeople (Foto: Instagram)