Saúde

Sorriso tem 1,1 mil casos de Coronavírus e risco de contaminação é “muito alto”

A secretaria municipal de Saúde confirmou, há pouco, que Sorriso chegou a 1.192 casos de Coronavírus (ontem havia 1.182). A pasta ainda informou que em 24 horas 40 pacientes foram curados da doença e a quantidade chegou a 453, representando 38% do total de positivos. Outros 38 estão internados, sendo 13 em Unidades de Terapia Intensiva e 25 em enfermarias. Além disso, 46 profissionais da saúde estão afastados de suas funções em decorrência da doença.

Consta no documento que 22 óbitos foram confirmados desde o início da pandemia, e dois estão sob investigação. Já os casos considerados suspeitos e que aguardam os resultados dos exames passaram de 442 para 496. Os descartados não foram alterados e permanecem em 1.223.  Além disso, 1.723 pacientes que estão com sintomas gripais leves estão em acompanhamento domiciliar (ontem havia 1.882).

Conforme Só Notícias já informou, a secretaria estadual de Saúde divulgou, ontem à noite, que Sorriso permanece na categoria de risco “muito alto” para contágio da doença. A taxa de crescimento de contaminação (TCC) é de 56,6%. A nova metodologia de classificação de risco, implantada há cerca de duas semanas, leva em conta o índice de crescimento da contaminação da doença e a taxa de ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensiva em todo o Estado.

A pasta ainda divulgou que o número de casos confirmados de coronavírus em Mato Grosso chegou a 22.078, sendo registrados 857 óbitos em decorrência da doença. As 36 mortes mais recentes envolveram residentes de General Carneiro, Lucas do Rio Verde, Peixoto de Azevedo, Cuiabá, Rondonópolis, Campo Verde, Várzea Grande, Tangará da Serra, Diamantino, Sorriso, Apiacás, Juína, Jaciara, Cametá, Primavera do Leste e Campo Novo do Parecis.

Dos 22.078 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 11.534 estão em isolamento domiciliar e 8.974 estão recuperados. Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 227 internações em UTI e 327 em enfermaria. Isto é, a taxa de ocupação está em 93% para UTIs e em 48% para enfermarias.

Só Notícias/Luan Cordeiro (foto: Só Notícias/Lucas Torres)